você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

Manifesto à Comunidade Software Livre

Colaboração: Rubens Queiroz de Almeida

Data de Publicação: 18 de Junho de 2001

Estou divulgando nesta oportunidade um documento que recebi do Marcelo D Elia Branco, diretor Vice-Presidente da PROCERGS.

Eu tive a oportunidade de participar dos dois foruns internacionais de software livre em Porto Alegre e tive a felicidade de poder ver um estado em que este movimento está se disseminando muito rapidamente com visíveis efeitos tanto na administração pública, como na área de ensino, com o projeto Rede Escolar Livre.

O software livre sem dúvida alguma é estratégico para nações como o Brasil e o movimento que começou no Rio Grande do Sul começa a ser implantado em diversas outras localidades no Brasil.

O manifesto que se segue está disponível em português, inglês e espanhol. Não deixe de ler. O seu apoio é fundamental.


Manifesto à Comunidade Software Livre

Este encontro, na sua segunda edição, é um marco na construção do movimento software livre internacional.Nosso objetivo nestes três dias é de fortalecer as premissas fundadoras deste movimento inspirado pelos conceitos de liberdade da " Free Software Foudation" , e aprofundar a construção de uma alternativa concreta que busque inserir a questão tecnológica no contexto de um mundo com inclusão social e igualdade no acesso aos avanços tecnológicos.

Após um ano do lançamento do Projeto Software Livre RS, provamos que isto é possível. Além de termos pautado no cenário nacional os fundamentos do software livre, desenvolvemos várias alternativas de utilização de programas livres , e mais do que isto, nos inserimos no cenário internacional como um pólo importante de desenvolvimento. Provamos, com isto, que é possível sermos uma referência tanto na área tecnológica como na apresentação de soluções, mesmo estando fora do eixo das grandes economias capitalistas. Isto prova que o modelo baseado na solidariedade, na socialização do conhecimento e na distribuição dos resultados produzidos ao invés da competição, da concentração e da acumulação são muito mais adequados para o desenvolvimento de nosso planeta. Mostramos que "outro mundo é possível". Aqui é a terra do software livre.

A coordenação do Projeto Software Livre RS acha importante também o diálogo com outros movimentos e outras iniciativas que busquem alternativas frente ao modelo internacional hegemônico e excludente. Por esta razão, estivemos presentes no "Fórum Social Mundial 2001" realizado em Janeiro, aqui em Porto Alegre. Definimos este encontro que estamos realizando como mais uma marcha, entre tantas que estão acontecendo no mundo, em direção à construção do Fórum Social Mundial 2002. Desta forma estaremos fortalecendo e dando uma amplitude maior à comunidade software livre e, ao mesmo tempo, contribuindo com nossa especificidade na construção de um programa global alternativo. Convidamos toda comunidade software livre: os desenvolvedores independentes, entidades governamentais, entidades não governamentais, as distribuições, empresas públicas e privadas, aos grupos de usuários, nossas universidades e entidades de pesquisas a se somarem na construção e convocação do "Fórum Social Mundial 2002" que acontecerá em Janeiro próximo em Porto Alegre e na preparação desde já do "Fórum Internacional de Software Livre 2002" previsto para os dias 2, 3 e 4 de maio.

Saudamos todos os participantes do "Fórum Internacional Software Livre 2001" .

Coordenação do Projeto Software Livre RS


Manifest to the Free Software Community

This meeting, in its second edition, is a milestone in the construction of the international free software movement. Our objective on these three days is to strengthen the original mission of the movement which was inspired by the concept of freedom from the Free Software Foundation. We aim to go deeper into the construction of a concrete alternative would insert the technological question into the context of a world with social inclusion, equality and access to technological advances.

One year after launching "Projeto Software Livre RS", we have proven this is possible. Beyond limited terms in the national scenery, the free software bases, we have developed many alternatives using free programs. More than this, we inserted ourselves onto the international scene as an important locale of development. We proved, with this, that it is possible for us to be a reference in the technological area, presenting solutions, outside of the economic capitalistic center.

This proves that a model based in solidarity, in knowledge socialization produced results-distribution instead of competition. Concentration and accumulation are better suitable for the development of our planet. We have shown that "the other world is possible". Here it's the free software land.

The coordination of "Projeto Software Livre RS" requires dialog with other movements and initiatives that aim for alternatives from the international domination and exclusion. For this reason, we presented the "Fórum Social Mundial 2001" here in Porto Alegre. We defined this meeting as one more step, among the many that are occurring in the world, toward the construction of the "Fórum Social Mundial 2001".

This way, we'll be strengthening and amplify the free software community and, at the same time, incorporating our specifications into the construction of a global alternative program.

We invite the whole free software community: independent developers, governmental entities, non governmental organizations, distribution companies, public and private companies, user groups, universities and research institutions to add up to the construction and convocation of the "Fórum Social Mundial 2002". Please join us next January in Porto Alegre and in the preparation of the "Fórum Internacional de Software Livre 2002" predicted to May 2nd. , 3rd. and 4th.

We greet all participating to the "Fórum Internacional de Software Livre 2001"

Free Software RS Project Coordination


MANIFIESTO PARA LA COMUNIDAD DE SOFTWARE LIBRE

Este encuentro, en su segunda edición, es un marco para el fortalecimiento del movimiento internacional en favor del software libre. Nuestro objetivo en estos tres días es fortalecer las premisas fundadoras de este movimiento inspirado por los conceptos de libertad de la "Free Software Foundation", y profundizar la construcción de una alternativa concreta buscando insertar la cuestión tecnológica en el contexto de un mundo de apertura social e igualdad en el acceso a los avances tecnológicos.

Después de un año del lanzamiento del Proyecto Software Libre RS, probamos que esto es posible. Además de haber pautado en el ecenario nacional los fundamentos del software libre, hemos desarrollado varias alternativas de utilización de programas libres y, más aún, nos insertamos en el contexto internacional como un polo importante de desarrollo. Probamos, con esto, que es posible ser una referencia tanto en el área tecnológica como en la presentación de soluciones, a pesar de estar fuera del eje de las grandes economías capitalistas.

Esto prueba que el modelo basado en la solidaridad, en la socialización del conocimiento y en la distribución de los resultados producidos, en contraste con la competencia, la concentración y la acumulación, es mucho más adecuado para el desarrollo de nuestro planeta. Mostramos que "otro mundo es posible". Aquí en la tierra del software libre.

La coordinación del Proyecto Software Libre RS encuentra también importante el diálogo con otros movimientos y otras inciativas que busquen alternatias frente a un modelo internacional homogéneo y excluyente. Por esta razón, estuvimos presentes en el "Foro Social Mundial 2001" realizado en enero, aquí en Porto Alegre. Definimos este encuentro que estamos realizando como un paso más, entre tantos que se están dando en dirección a la construcción del "Foro Social Mundial 2002".

De esta forma, estaremos fortaleciendo y dando una amplitud mayor a la comunidad del software libre y, al mismo tiempo, contribuyendo en nuestra especialidad en la construcción de un programa global alternativo. Invitamos a toda la comunidad del software libre - los desarrolladores independientes, entidades gubernamentales, entidades no gubernamentales, distribuciones, empresas públicas y privadas, a los grupos de usuarios, a nuestras universidades y entidades de investigación - a que se sumen en la construcción y convocatoria del "Foro Social Mundial 2002" que se realizará en enero próximo en Porto Alegre y en la preparación, desde ahora, del "Foro Internacional de Software Libre 2002" previsto para los días 2, 3 y 4 de mayo.

Saludamos a todos los participantes del "Foro Internacional de Software Libre 2001"

Coordinación del Proyecto Software Libre RS

  ******************************
  Marcelo D'Elia Branco
  Diretor Vice-Presidente
  PROCERGS
  ******************************
  R I O  G R A N D E  D O  S U L
  ESTADO DA PARTICIPAÇÃO POPULAR
  Estado Livre de Transgênicos
  Terra de Software Livre
  ******************************


 

 

Veja a relação completa dos artigos de Rubens Queiroz de Almeida

Opinião dos Leitores

Seja o primeiro a comentar este artigo
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script