você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

Instalando e usando o Firefox 2 no Ubuntu 8.04

Colaboração: Rogerio Acquadro

Eu já vinha usando o Ubuntu 8.04 LTS em um ambiente controlado de testes dentro de uma máquina virtual VMWare, deste os tempos de beta. Já havia

reparado que os seus desenvolvedores haviam incluído, por padrão, a versão 3.0 beta do Firefox.

Meus problemas começaram pouco após o lançamento da versão quando decidi atualizar meu ambiente de produção. Como um avançado usuário de Firefox, uso uma dezena de addons que me facilitam muito a vida. Quando atualizei o sistema, o Firefox 3 fez uma checagem completa e desabilitou a maioria dos addons instalados, alegando incompatibilidade.

Isso me trouxe uma série de problemas. De cara, perdi addons importantes, como Google Sync, Firebug, entre outros. Achei que podia viver sem eles, mas estava enganado. Eles fazem muita falta.

Pensando com meus botões, procurei alternativas. Não achei nenhuma solução a fim de evitar que o Firefox 3 desabilitasse meus addons. Mais do que isso, mesmo que houvesse essa possibilidade, não acho que seria uma boa idéia. Continuando minha pesquisa, descobri que o Firefox 2 ainda está disponível no Ubuntu 8.04 LTS, com o nome de pacote firefox-2. Resolvi instalá-lo!

  sudo apt-get install firefox-2

Sucesso! Para acioná-lo, basta executar o binário "firefox-2". Se eu quiser a versão 3, simplesmente uso "firefox". Mas meus problemas ainda não tinham acabado.

Algum grave problema ocorreu com o meu perfil, acredito quando o Firefox 3 foi executado pela primeira vez. Mesmo voltando a usar o Firefox 2, os addons não funcionavam corretamente, mesmo que eu tentasse ativá-los novamente.

A solução foi criar perfis diferentes, um para cada versão do navegador. O gerenciador de perfis é uma herança (bendita!) da época do Netscape 4. Nele, era possível criar diferentes perfis para a mesma conta de usuário Unix! Essa funcionalidade foi mantida no Firefox!

Para criar o perfil, basta executar o Firefox com a opção "-ProfileManager". O perfil padrão do sistema chama-se "default". Optei por renomeá-lo para "v3" e usá-lo exclusivamente no Firefox 3. Usando o mesmo gerenciador de perfis, criei um perfil vazio chamado "v2", que utilizarei exclusivamente no Firefox 2.

Uma vez criados os respectivos perfis, posso escolher qual usar ao executar o Firefox. Por simplesmente existir mais de um perfil, quando o Firefox for executado ele chamará o gerenciador de perfil para que seja escolhido qual acionar, sem a necessidade da flag "-ProfileManager". Mas ainda há a possibilidade de invocar o perfil, automaticamente:

  firefox-2 -P v2

invoca o Firefox 2 usando o perfil "v2", criado exclusivamente para essa versão. E

  firefox -P v3

invoca o Firefox 3 usando o perfil "v3", criado exclusivamente para essa versão.

Enquanto os meus addons preferidos não forem reprogramados e atualizados para serem compatíveis com a versão 3 do Firefox, esse é o workaround que utilizarei para continuar a navegar.

Rogerio Acquadro trabalha com software livre há 12 anos e é consultor da (PC)² Consultoria (http://www.pc2consultoria.com)


Veja a relação completa dos artigos de Rogerio Acquadro

 

 

Opinião dos Leitores

Seja o primeiro a comentar este artigo
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script