você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens Programação Shell Linux: Inscrições Abertas

Debian-BR - Ajudando na Universalização do Debian

Colaboração: Gustavo Noronha Silva

**//Data de Publicação: 27 de Julho de 2001//**


—-----------------------------------------------------------------
Debian-BR: Ajudando na Universalização do Debian
http://debian-br.sourceforge.net     debian-br@listas.cipsga.org.br
Terça Feira - 26 de junho de 2001
—-----------------------------------------------------------------

1. Introdução

O Software Livre traz em sua filosofia uma idéia de sociedade melhor
onde todos têm acesso às tecnologias e facilidades criadas pela 
informática. O Debian traz em sua essência a idéia de universalidade,
que é justamente viabilizar essa sociedade. O Primeiro passo para que
se tenha uma verdadeira universalização do Sistema Operacional 
Debian GNU/Linux é que o usuário entenda o que pode fazer e entenda
como fazer.

Para que isso seja verdade, ele precisa de documentação e interfaces
de programas em sua língua nativa. Aí entra o projeto Debian-BR.
Nosso principal objetivo é localizar o Debian e tudo que esteja 
relacionado a ele para o Brasil. 

Para saber mais sobre Software Livre e Debian, visite as páginas
da Free Software Foundation (http://www.fsf.org), do projeto
GNU (http://www.gnu.org) e do Debian (http://www.debian.org.br).


2. Quais os objetivos imediatos do projeto?

Nosso objetivo imediato é fazer com que a próxima release do Debian,
a woody (e posteriores), tenha o máximo de sua estrutura traduzida para 
o Português. Para isso contamos com a tradução da instalação do sistema 
e das configurações de vários outros, bem como de alguns manuais e de 
algumas partes da página web.

Note que a tradução de programas para GNU/Linux em geral (como o mutt, 
xmms, programas baseados em gtk, etc, etc), páginas de manual e howtos 
são incorporadas constantemente na distribuição Debian através dos 
esforços da equipe do LDP-BR. A equipe do LDP-BR faz um trabalho que 
tem por finalidade tornar os programas acessíveis a usuários do idioma 
portugues e não a distribuições GNU/Linux específicas. 

Sendo assim, a distribuição Debian (como outras) possuem suas características 
particulares e programas próprios que permitem flexibilidade e incorporar 
novas características que a estrutura da distribuição permite oferecer ao 
seu utilizador. Algumas destas características são: sistema de instalação 
próprio, manipulação de pacotes, documentação de programas próprios, 
templates (usado como descrição de instalação e durante a configuração do 
pacote). A equipe do Debian-BR entra nesta área, atuando na tradução, 
adaptação e testes dos materiais relacionados com a distribuição Debian 
para o idioma português.


3. O que está (sendo) feito?

O Objetivo principal desse documento é trazer ao público o progresso
do Projeto, o que está feito, o que falta fazer e as prospectivas.


3.1: A Instalação do Debian (os boot-floppies)

A instalação do sistema é uma parte muito importante. Apesar de o
usuário só ter contato com ela uma única vez (sistemas livres
normalmente não precisam de reinstalação mensal), é a partir dali
que se prepara o sistema para o uso.

Uma grande parte da instalação é baseada em dois disquetes que
são chamados 'boot-floppies'. Esse sistema tem suporte a outras
línguas atualmente, e será utilizado como sistema de instalação
do Woody.

Gleydson Mazioli <gleydson@debian.org> é o responsável pela tradução
desses discos para o português. Embora o potato 2.2r3 ainda não
suporte a escolha de idioma no início da instalação, há discos 
personalizados para o português para download no site do Debian-BR.
Imagens dos CDs do 2.2r3 com instalação no nosso idioma estão em
processo de upload e estarão disponíveis para download a partir da
seção "Pegue o Debian" no site do Debian-BR.
(http://debian-br.sourceforge.net)

A segunda parte da instalação, que cuida das primeiras etapas é
gerenciada pelo pacote base-config com a ajuda do sistema debconf
(veja abaixo). Essa parte do processo está já, também, traduzida.
E pronta para o Woody. Os templates Debconf do base-config foram
traduzidos por Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>

3.2: O Manual de Instalação do Debian

O Manual de Instalação do Debian Potato está totalmente traduzido
para o português e disponível para download tanto no site oficial
do Debian (http://www.debian.org) quanto no site do Debian-BR
(http://debian-br.sourceforge.net), graças ao Gleydson temos uma
instalação simplificada agora.

Se você se interessa em instalar o Debian, o Manual de Instalação
contém muitas informações interessantes tanto para o novo usuário
como para técnicos de hardware ou pessoas que gostariam de entender 
sobre o assunto (hardwares recomendados, com melhores desempenhos, 
for windows, etc) e lá se encontra a localização dos arquivos 
necessários e as descrições dos métodos de instalação. 

A flexibilidade da distribuição permite a instalação através de 
diversos métodos (disquetes, HD, cdrom (com inicialização), nfs, plip, 
ethernet, http, nfs, usb, tftp, etc.), também permite a configuração 
automática da interface de rede via DHCP. Todos estes métodos estão 
facilmente acessíveis através do sistema de instalação (da mesma forma 
você poderá fazer intervenções manuais para adequar certa parte da 
instalação ao sistema, a instalação da Debian detectará tais modificações 
e saberá o que fazer).


3.3: Os processos de instalação dos pacotes Debian.

A maior parte dos pacotes do Debian que necessitam de configuração
durante a instalação usam o sistema criado pelo Joey Hess, baseado
na especificação criada por ele e por Wichert Akkerman, conhecido
como Debconf. Esse sistema usa um banco de dados backend e alguns
front-ends que podem ser escolhidos pelo usuário para criar um 
ambiente comum de configuração para o usuário.

Esse sistema funciona baseado em um arquivo chamado "template".

O Debian-BR já traduziu vários desses templates, incluindo o 
base-config (que é o responsável pelo resto da instalação do
Debian depois da instalação do sistema base) e os dos pacotes:
setserial, console-data, ppp, debconf, magicfilter, entre outros.

Muitas foram as pessoas que colaboraram com esses esforços, é
quase impossível saber o nome de todos, algumas das
pessoas que contribuíram com a tradução de templates 
da distribuição foram Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>
(X, X4, magicfilter, base-config, adduser, debconf, entre outros),
Carlos Laviola <claviola@debian.org> (ppp), Ricardo Sandrin 
<rsandrin@ccinet.com.br>(linuxlogo), Henrique de Moraes Holschuh 
<hmh@debian.org> (fetchmail) e muitas outras pessoas que dedicaram 
seu tempo a ajudar no crescimento do Debian.

Há esforços muito fortes no sentido de traduzir o máximo de templates
antes do lançamento do Woody, para que o maior número de configurações
sejam mais fáceis aos usuários Brasileiros.

O sistema de empacotamento dpkg teve seu potfile traduzido também
e apenas o apt-get ainda necessita tradução (falta suporte a gettext).

Para ajudar na tradução dos templates do debconf basta olhar o
tutorial sobre isso na seção documentação do site do Debian-BR
(http://debian-br.sourceforge.net).

3.4: Documentação do Debian.

A documentação é uma parte importantíssima de qualquer software.
O Debian-BR já traduziu alguns documentos como: 

* Manual de instalação do Debian 2.2 
	 Gleydson Mazioli Silva <gleydson@debian.org>
* Debian Packaging Manual
	 Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>
* Guia dos Novos Mantenedores do Debian
	 Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>
* Securing Debian HOWTO
	 Alex Risicato Fagundes <arf@kapa.procergs.com.br>
* DebianDOC (SGML)
	 Gleydson Mazioli Silva <gleydson@debian.org>
* Dselect Beginner
	 Gleydson Mazioli Silva <gleydson@debian.org>
* Meta-Manual
	 Fabio Cesar Colombo <byron@fabinho.com.br>

Também foram produzidos os documentos a seguir:

* Como fazer um Deb? (Manual DEB) 
     Autor: Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>
* Traduzindo Templates do debconf
     Autor: Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>
* Tutorial do APT 
     Autor: Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>

Os Documentos a seguir estão em processo de tradução:

* Debian History
       Israel Mendes Biscaia Filho <thetrooper@kovacs.com.br>
* Debian Developer's Reference
       Carlos Laviola <claviola@debian.org>
* Debian System Administrator's Manual
       Fabio R. da Rosa <f2r@bol.com.br>
* Introduction to i18n 
       Elcio F. de Mello <mello@ajato.com.br>
* Debian Menu System 
       Fabio Quintal <info@ferasoft.com.br>
* Debian Network Administrator's Manual
       Hélio Loureiro <helio@loureiro.eng.br>

Acabamos de criar um sistema automatizado para distribuição melhor de
todos os docs, demos a esse novo sistema o nome de Doc-Sys (só pra
acalmar o strange, na verdade ;)). Ele foi implementado em php
por Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org> .Estamos implantando também um 
sistema chamado doc-agent (escrito pelo Gleydson Mazioli) que tem por 
objetivo controlar automáticamente a atualização de documentação 
avisando ao tradutor quando o documento é atualizado e os trechos 
modificados, isto é muito interessante para evitar desatualizações 
de tradução e manter sempre o padrão de qualidade de nossas traduções. 

Está se formando também um grupo de revisores do Debian-BR, que
irá ficar responsável pela revisão de tudo que for traduzido.

Tudo isso está disponível no site do Debian-BR.
(http://debian-br.sourceforge.net)

3.5: Notícias e Avisos de Segurança do Debian

Nosso time de imprensa trabalha duro pra traduzir as últimas notícias
do Debian assim como os avisos de atualizações de segurança. Essas
mensagens costumam demorar um pouco mas não passam de dois dias de
atraso em relação às originais, afinal de contas, todos nós somos
voluntários e não temos fulltime pro Debian-BR.

As notícias são traduzidas por Gustavo Noronha Silva <kov@debian.org>, 
os avisos de segurança são de responsabilidade de Carlos Laviola
<claviola@debian.org>, o Lauro (...), tradutor original está de 
férias =). 

Veja na página do Debia-BR como se inscrever nessa lista:
http://debian-br.sourceforge.net/irc.html

3.6: Comunicação do Debian-BR

O Debian-BR possui vários meios de comunicação. Abaixo estão as
listas e seus propósitos:

debian-user-portuguese@lists.debian.org -> Lista de Usuários falantes
do português do Debian. Aqui se tiram dúvidas sobre o uso e manutenção
de sistemas Debian.

debian-l10n-portuguese@lists.debian.org -> Lista de localização do
Debian para o português. Essa lista tem estado parada mas é nosso
objetivo reativá-la para falarmos especificamente do assunto 
referente.

debian-news-portuguese@lists.debian.rog -> Lista de Notícias em 
português do Debian. Aqui são postados as últimas notícias e os
avisos de segurança.

para assinar qualquer uma delas basta enviar um email para o email,
adicionando "-request" ao nome da lista assim:

debian-user-portuguese-request@lists.debian.org

e colocar como assunto a palavra 'subscribe'.


Outro meio muito usado para comunicação é o IRC. Temos o canal #debian-br
no irc.debian.org onde estão nossos bots apt-br e dpkg-br, que tem sempre
informações de interesse (e que brigam entre si de vez em quando ;))

Mais informações na página do Debian-BR: (http://debian-br.sourceforge.net)


3.7: A página do Debian-BR

Mantemos nossa página e todos os nossos recursos no sourceforge.net, 
lá colocamos várias informações sobre o projeto e disponibilizamos
todo o material que produzimos. O endereço da mesma é:

http://debian-br.sourceforge.net/

Qualquer reclamação ou sugestão: debian-br@listas.cipsga.org.br


3.8: O Contador do Debian-BR

O Contador ainda está vivo, há planos de se fazer algumas melhoras,
mas nada que será notado pelos usuários. Ele tem tido uma função 
interessante na programação de encontros regionais, já que há como
localizar usuários de um mesmo estado. Utilizado em conjunto com
as listas dá um bom resultado.


3.9: O http://www.debian.org.br

Gentilmente cedido pela procergs, nosso mirror da página do Debian.
Ela hospeda nossos bots de irc e é nosso centro de tradução da
página do Debian. É atualizado diáriamente.

Neste mesmo servidor hospedamos um mirror do Debian para i386 e
sources, denominado ftp.debian.org.br. Ele é atualizado diariamente.
Para usar esse mirror basta adicionar as linhas indicadas na
nossa página, na seção Pegue o Debian ao seu arquivo 
/etc/apt/sources.list. Veja maiores informações sobre mirrors
na página do Debian-BR, seção "Pegue o Debian".
(http://debian-br.sourceforge.net)

3.10: A página do Debian

Somos poucos no time que traduz os wml's da página e por isso são
poucos os wml's traduzidos. Wml? Mas não era html? A página do 
Debian é gerada dinâmicamente e a "linguagem de programação" usada
para criá-la é chamda wml. Traduzem-se os wml's e de 6 em 6 horas
há a construção completa da página.

Se você quiser ajudar, envie um email para nosso projeto =).

4. O que falta fazer?

Muita coisa. Temos ainda muitos templates por traduzir, muitos wml's
(da página do Debian) para traduzir, muitos sgmls (documentação) também.

E, é claro, isso é um trabalho que não acaba pois não basta produzir...
tem que manter! =)

5. Como posso ajudar?

Se tem uma coisa que precisamos é de ajuda. Para ajudar, visite nossa
página, assine nossas listas, entre no nosso canal de IRC, envie emails.
Qualquer desses já é uma ajuda. Caso você saiba inglês ou tenha alguma
outra idéia para contribuir venha falar com a gente. Na seção "Faça
Parte" da nossa página há um pequeno guia sobre como traduzir um documento
ou ajudar de outra forma o Debian-BR =).


6. Como faço para contatar o projeto?

Basta enviar um email para debian-user-portuguese@lists.debian.org (avise
se não estiver inscrito para que se faça CC: do email para você), para
debian-br@listas.cipsga.org.br ou qualquer um dos membros do projeto.


7. Quem são vocês afinal?

O Debian-BR surgiu na Internet, com a necessidade de se ter uma maior
adequação do Debian à nossa língua. Não queríamos deixar de lado todo
o poder do Debian apenas por não suportar nossa língua, então começamos
a trabalhar nisso.

A lista de membros "permanentes" do Debian-BR atualmente é:

Carlos Laviola - Rio de Janeiro (RJ)	    - <claviola@debian.org>
Djalma Valois - Rio de Janeiro (RJ)	    - <dvalois@cipsga.org.br>
Eduardo Marcel Maçan - São Paulo (SP)	    - <macan@debian.org>
Gleydson Mazioli Silva - Vila Velha (ES)    - <gleydson@debian.org>
Gustavo Noronha Silva - Belo Horizonte (MG) - <kov@debian.org>
Henrique de Moraes Holschuh - Campinas (SP) - <hmh@debian.org>
Pablo Lorenzzoni - Porto Alegre (RS)	    - <spectra@debian.org>
Paulo Henrique - Rio de Janeiro (RJ)	    - <baptista@linuxsolutions.com.br>
Ricardo Sandrin - Sertãozinho (SP)	    - <rsandrin@ccinet.com.br>

Eles têm esse "status" por estarem intimamente ligados ao projeto e
estarem sempre ativos no desenvolvimento do Debian e do Debian-BR.
Muitos deles são desenvolvedores oficiais do Debian (aqueles que
têm @debian.org no email) e representam nossa nação na grande
democracia que é o Debian.

O projeto Debian-BR 

Bem Vindo ao mundo do Software Livre! 

<http://debian-br.sourceforge.net>			Projeto Debian-BR
					      <debian-br.sourceforge.net>
— 
    Gustavo Noronha Silva - kov <http://www.metainfo.org/kov>
*----------------------------------------------------------------*
|  .''`.  | Debian GNU/Linux: <http://www.debian.org>            |
| : :'  : | Debian BR.......: <http://debian-br.sourceforge.net> |
| ``.``'`  |                  Be Happy! Be FREE!                  |
|   `-    |             "Think globally, act locally!"           |
*----------------------------------------------------------------*


Veja a relação completa dos artigos de Gustavo Noronha Silva