você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

Customizando o MySQL 4.x no Debian Gnu-Linux

Colaboração: André Jaccon

Data de Publicação: 09 de Março de 2006

O Mysql é um SGDB (gerenciador de banco de dados), completo e de fácil instalação. Porém quando instalamos ele surge algumas customizações que devem ser feitas para que possamos tirar 100% de aproveitamento do mesmo.

Em nosso exemplo iremos customizar um MySQL na distribuição Debian Gnu/Linux 3.0 (Woody) - Kernel 2.4.32

1. Instalando o MySQL

Devemos criar o usuário e o grupo no qual terá acesso pelo daemon do MySQL, para isso use os comandos abaixo:

  groupadd mysql
  adduser -s /bin/false -d /dev/null -g mysql mysql

2. Descompactando e instalando o MySQL

A principio o pacote do MYSQL vêm compactado em formato TARBALL, para descompactar siga o exemplo abaixo:

  cd /usr/local/
  gunzip < /path/para/pacote/mysql.tar.gz |tar xvf -
  ln -s mysql-full-path mysql
  cd mysql
  ./scripts/mysql_install_db  <press enter to continue>
  chown -R root .
  chown -R mysql data
  chgrp -R mysql .
  ./configure

3. Customizando scripts de inicializacao e arquivos de configuração.

Quando você instala o MySQL pelos binários você sentirá a falta de um script de inicialização para sua distro, esse problema pode ser solucionado pelo script mysql.server que se encontra dento da pasta support-files do MySQL, basta seguir o exemplo abaixo para disponibilizar na inicialização:

  cp /usr/local/mysql/support-files/mysql.server /etc/init.d/mysql

,outro detalhe importante é o arquivo de configuração my.cnf, siga o modelo de configuração abaixo para disponibilizar o arquivo my.cnf:

  ln -s /usr/local/mysql/ /etc/my.cnf
  cp /usr/local/mysql/support-files/my-large.cnf /etc/my.cnf/data/

agora faça um teste inicie o MySQL pelo script que se encontra dentro do diretório init.d:

  /etc/init.d/mysql start

Depois para conferir use os comando "ps -aux" para verificar os processos em andamento do daemon do MySQL.

4. Mudando a senha do usuário root do MySQL

  /usr/local/mysq/bin/mysqldadmin -u root password nova-senha

5. Gerênciando tudo via web pelo phpMyadmin

Quando você precisa fazer query's remotamente no seu servidor MySQL é interessante usar o phpMyadmin, com ele você possui controle completo do MySQL diretamente via Browser, a sua instalação é simples e rápida. Comece copiando o pacote para a pasta pública do servidor web Apache em nosso caso está localizado em /var/www/:

  cp phpMyAdmin-2.7.0-pl2.tar.bz2 /var/www/
  cd /var/www
  tar -jxvf phpMyAdmin-2.7.0-pl2.tar.bz2
  mv phpMyAdmin-2.7.0-pl2 phpmyadmin
  cd phpmyadmin

Edite o arquivo de configuração config.inc.php, e localize a linha onde possui a string 'root', abaixo entre com a senha do usuário root do MySQL, é interessante usar senhas diferentes do S.O do MySQL, abaixo você encontra um exemplo de linha no qual deve ser alterado:

  $cfg['Servers'][$i]['user']          = 'root';
  $cfg['Servers'][$i]['password']      = 'sua-senha-aqui';

6. Problemas de importação de dados devido ao CHARSETS

Pode ser que futuramente você tenha problemas ao importar base de dados devido a um problema típico de Charset, os charsets controlam a codificação dos caracteres no MySQL, procure usar os charsets como UTF-8, em seu phpMyadmin, ao exportar a base de dados verifique se o Charset está como este padrão UTF-8, senão você terá problemas.

Outras informações sobre as funcionalidades do MySQL podem ser encontradas em formato de texto na pasta

  /usr/local/mysql/docs/mysql.info.


Veja a relação completa dos artigos de André Jaccon

 

 

Opinião dos Leitores

Seja o primeiro a comentar este artigo
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script