você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens Programação Shell Linux: Inscrições Abertas

Configurando Apache2 PHP5 MySQL PHPMYADMIN - Passo a Passo

Colaboração: André Jaccon

Data de Publicação: 06 de Junho de 2005

Neste tutorial irei mostrar como configurar o Apache 2, PHP5, MySQL e PHPMyadmin, em um exemplo passo a passo.

Considerações iniciais:

Software:

  • SO: Red Hat 9.0
  • Kernel: 2.4.30

Hardware:

  • IBM Netfinity Xeon 3 GHZ
  • Memória: 512 MB RAM ECC
  • Disco Rigído: 36 GB UW SCSI.

Para organizar vamos criar um diretório no qual ficará os arquivos nos quais iremos compilar, em meu exemplo criei um diretório em /LAMP2

depois entre no diretório pré-criado siga os passos abaixo:

cd LAMP2

1) Configurando o biblioteca LibXML2

tar -zxvf libxml2-2.6.0.tar.gz
cd libxml2-2.6.0
./configure
make
make install

2) Configurando a biblioteca zLIB

tar -zxvf zlib-1.2.2.tar.gz
cd zlib-1.2.2
./configure
make
make install

3) Configurando o Apache 2

tar -zxvf httpd-2.0.52.tar.gz
cd httpd-2.0.52

./configure \
—prefix=/usr/local/apache2 \
—enable-cgi --enable-so \
—enable-rewrite
—enable-mime-magic \
—enable-suexec \
—enable-static-rotateslogs \
—enable-spellig \
—enable-log-forensic

make
make install

4) MySQL

groupadd mysql
useradd -g mysql mysql
cd /usr/local
gunzip < /path/para/mysql/compactado.tar.gz |tar -xvf -
ln -s mysql-full-path mysql
cd mysql
scripts/mysql_install_db
chown -R root .
chown -R mysql data
chgrp -R mysql .
bin/mysqld_safe --user=mysql &

Para conferir se o MySQL foi iniciado use ps -aef |grep mysql

5) PHP5

tar -zxvf php-5.0.3.RC1.tar.gz
cd php-5.0.3
./configure --with-apxs2=/usr/local/apache2/bin/apxs \
   --with-mysql=/usr/local/mysql --prefix=/usr/local/apache2/php \
   --with-config-file-path=/usr/local/apache2/php \
   --enable-force-cgi-redirect --disable-cgi --with-z=/usr/include/linux

6) Configurando Apache2 com suporte a PHP5

Para configurar o Apache 2 com suporte a PHP5 primeiramente iremos criar um link simbólico dentro do diretório /etc/ apontando para /usr/local/apache2

cd /etc/
ln -s /usr/local/apache2 .
cd /etc/apache2

Antes de alterar os dados do arquivo original de configuração do Apache 2 faça um backup do arquivo:

cp /etc/apache2/conf/httpd.conf /etc/apache2/conf/httpd.conf.original

Editando o arquivo httpd.conf

edite o arquivo httpd.conf adicionando as seguintes linhas:

DirectoryIndex index.html index.html.var index.cgi index.php index.php4 index.php5 default.html default.php blank.html
ServerName o-nome-para-seu-servidor-web
LoadModule php5_module modules/libphp5.so
AddType application/x-httpd-php php
AddType application/x-httpd-php-source phps
#ServerTokens
ServerSignatures Off

Para testar o suporte ao PHP5 no Apache2, crie um arquivo no diretório público do apache com o seguinte conteúdo. Em nosso exemplo crieremos um arquivo chamado info.php

<?php
phpinfo ()
?>

execute via browser o caminho do seu servidor mais o nome do arquivo phpinfo. Ex:

http://10.0.0.1/info.php

Configurando o MySQL

O primeiro passo para configurar o MySQL é adicionar a senha do usuário Root do MySQL, para isso use o comando

/usr/local/mysql/bin/mysqladmin -u root password sua-senha-aqui

Um Ótimo aplicativo para gerênciamento do MySQL é o phpMyadmin, com ele você poderá¡ adicionar,remover, alterar , Dropar fazer Querys e muito mais junto a MySQL ainda contando com uma interface Web muito amigavél.

Para instalar ele entre na pasta PHP e descompacte o aplicativo phpMyadmin:

tar -zxvf phpMyadmin-2.6.2.tar.gz

copie a pasta descompactada para dentro do diretório público do Apache 2, caso você ainda não saiba qual o diretório público do Apache 2 de acordo com nossa instalação, o caminho está logo abaixo:

/usr/local/apache2/htdocs

Então sabendo o caminho copie a pasta do phpMyadmin para dentro de Htdocs

cp -Rvf phpMyadmin-2.6.2 /usr/local/apache2/htdocs/phpmyadmin

Agora devemos configurar o arquivo config.inc.php que gerência a conexão do phpMyadmin ao MySQL:

vi /usr/local/apache2/htdocs/phpmyadmin/config.inc.php

Procure pelas linhas:

$cfg['Servers'][$i]['auth_type']     = 'config';    // Authentication method (config, http or cookie based)?
$cfg['Servers'][$i]['user']          = 'root';      // MySQL user
$cfg['Servers'][$i]['password']      = 'sua-senha-aqui';          // MySQL password (only needed

e também:

$cfg['Servers'][$i]['user']            = 'root';
$cfg['Servers'][$i]['password']        = 'sua-senha-aqui';

Salve o arquivo agora e saia.

Para testar o phpMyadmin entre com o endereço em seu navegador:

http://endereço-de-seu-servidor/phpmyadmin/

Por segurança é ideal que você coloque um sistema de autênticação no phpMyadmin pois desta forma qualquer pessoa através da web conseguiria manipular com poderes de root suas bases de dados.

Lembramos ainda que as configurações acima são básicas, para um servidor em produção é necessário que seja verificado todos os recursos necessários e configurados acima dos exemplos dados acima.



Veja a relação completa dos artigos de André Jaccon