você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

CD-ROM - Recuperação de dados

Colaboração: Fabiano Caixeta Duarte

Data de Publicação: 11 de Maio de 2005

O processo de montagem de mídia removível consta de quase todos os materiais introdutórios sobre Unix-Like. Assim, não é novidade que para montar um cd-rom podemos utilizar o comando mount com a seguinte sintaxe:

  $ mount -o ro -t iso9660 /dev/cdrom /mnt/cdrom

Este comando montará o dispositivo /dev/cdrom para leitura no ponto de montagem /mnt/cdrom.

Para usuários kde, basta utilizar o ioslave devices no Konqueror, para obter o mesmo resultado.

Entretanto, esta é o que poderíamos chamar de "montagem padrão". Vamos aqui abordar uma situação atípica que vai exigir um pouco mais do que isto para recuperar dados invisíveis em um cd-rom.

Multi-sessões

A maior parte das mídias, gravadoras e softwares de gravação de cds aceitam a criação de múltiplas sessões, ou seja, é possível realizar sucessivas gravações, acrescentando cada vez mais arquivos em um mesmo CD-R (CD não regravável).

Existem alguns cuidados para que isto ocorra sem problemas e sem perda de dados. Um deles é ter a certeza de que em cada gravação o software deverá gravar no modo multisession e o disco não pode ser "fechado". Só fechamos um cd quando não se deseja gravar mais nenhum dado na mídia.

O comando a seguir mostra o início e o fim da área gravada de um cd:

  $ cdrecord -msinfo /dev/cdrom
  0,87147

Espera-se que o primeiro valor (antes da vírgula) seja 0, indicando o começo do disco. Quando o valor é maior que zero, podemos deduzir que alguma gravação foi efetuada sem respeitar a multi-sessão.

Observe o seguinte contexto: foram gravadas duas sessões em um CD-R. Houve uma terceira gravação, na qual não foi setada a opção de multi-sessão. O resultado foi que apenas os dados da última gravação ficaram acessíveis a partir da montagem simples da mídia.

A Solução

O comando mount aceita muitas opções, sendo que cada tipo de sistema de arquivos possui suas opções. O problema apresentado exigiu o uso da opção session, específica do tipo iso9660 de sistema de arquivos.

É possível acessar os dados das primeiras duas sessões gravadas no mencionado cd a partir do comando:

  mount -t iso9660 -o ro,session=1 /dev/cdrom /mnt/cdrom/

Se fosse utilizado o número 2 no lugar do 1, o resultado seria o mesmo, uma vez que duas sessões foram gravadas em multi-sessão. Para acessar especificamente os dados da terceira e última gravação, podemos informar session=3. Isto é desnecessário porque, por padrão, a última sessão individual (ou multi-sessão) é montada.

Conclusão

O processo de gravações sucessivas em uma mesma mídia não-regravável exige atenção quanto ao uso de multi-sessões em todas as gravações.

Entretanto, em caso de descuido, ainda é possível recuperar os dados a partir do uso da opção session do comando mount.

Referências

  • man mount
  • man cdrecord



Veja a relação completa dos artigos de Fabiano Caixeta Duarte

 

 

Opinião dos Leitores

Seja o primeiro a comentar este artigo
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script