você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

Cache e PHP

Colaboração: André Milani

Data de Publicação: 11 de abril de 2010

Olá pessoal! Meu nome é André Milani, sou autor de livros de bancos de dados e programação e também instrutor da Softblue. Este é o meu blog pessoal onde pretendo abordar temas de tecnologia na área de programação e desenvolvimento de softwares, em especial o PHP, SQL e assuntos referentes a bancos de dados.

Neste primeiro post eu gostaria de compartilhar uma situação que aconteceu com um leitor do meu livro de PHP e MySQL sobre cache. Levamos um bom tempo para conseguir detectar que o problema não estava no código PHP, mas sim no cache do navegador. Então, para prevenir este problema, vão aí algumas dicas bem interessantes:

Forçando um refresh

Muitos sabem que a tecla F5 dos navegadores, pelo menos na maioria deles, serve para atualizar a página. Este procedimento é chamado de refresh (nome em inglês). O que nem todos sabem é que o comando F5 realiza um refresh com base em algumas configurações de data de expiração dos arquivos em questão, e que dependendo da data, somente a tela é atualizada, mas não os conteúdos dos arquivos cujas datas ainda não expiraram.

Para resolver esta situação, utilize o comando CTRL + F5. Este comando força o refresh dos arquivos, independente da data de expiração. Ele apaga do cache de seu navegador todos os arquivos da página em questão, e solicita todos os arquivos novamente ao servidor.

Evitando o cache em PHP

Mesmo conhecendo o comando CTRL + F5, pode ser que nem todos os visitantes de nossos sites conheçam este recurso, ou ainda, saibam que a página está em cache. Por este motivo, é interessante prevenir que as páginas utilizem cache, fazendo com que seus visitantes sempre acessem as páginas com as últimas atualizações realizadas.

Para prevenir o uso do cache em PHP, utilize o comando header setando duas propriedades específicas:

   // HTTP/1.1
  header("Cache-Control: no-cache, must-revalidate");
  
   // Date in the past
  header("Expires: Sat, 26 Jul 1997 05:00:00 GMT");

A primeira propriedade é a Cache-Control, que informa ao navegador, ou qualquer proxy que possa estar no caminho do arquivo, para não armazená-lo em cache.

A segunda propriedade é a Expires, que define a data de expiração do arquivo. É possível definir uma data já passada, para que o cache já seja entendido como expirado, ou então é possível definir a sua data de expiração. Esta propriedade deve ser informada para arquivos que possuem alto volume de acesso, mas baixa taxa de atualização, o que otimiza recursos do servidor.

Vale a pena mencionar que, ao utilizar o comando header, nenhuma informação pode ser impressa antes pelo PHP, nem por meio de comando echo, print ou outro. Esta é uma particularidade do comando header, e maiores informações podem ser encontradas no manual do PHP, clicando aqui.

André Milani é instrutor oficial da Softblue Cursos On-Line onde possui um blog sobre PHP e bancos de dados, formado em Ciência da Computação pela PUC-PR, pós-graduado em Business Intelligence pela mesma instituição e possui diversas certificações na área de TI. É também autor de vários livros na área de informática, entre eles o MySQL - Guia do Programador, PostgreSQL - Guia do Programador e Construindo Aplicações Web com PHP & MySQL, todos pela editora Novatec, os quais podem ser encontrados nas principais livrarias, inclusive no Submarino. Possui mais de 8 anos de experiência em desenvolvimento web, atuando há mais de 4 anos com cursos e treinamentos de profissionais.


 

 

Veja a relação completa dos artigos de André Milani

Opinião dos Leitores

Gabriel
30 Dez 2010, 17:35
Parabens pelo post, ótima dica. Muita gente nem sabe que esse comando existe.
Parabéns;
*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script