você está aqui: Home  → Arquivo de Mensagens

Bitcoin - sua nova moeda virtual

Colaboração: Cesar Brod

Data de Publicação: 01 de julho de 2013

Em minha coluna, no artigo Há tecnologia para mudar o mundo, mas faltam pessoas para isso falei brevemente sobre o [Bitcoin http://bitcoin.org].

Pare para pensar, por um segundo, em toda a estrutura de intermediários que vivemos em processos simples de compra, venda, remessa e envio de dinheiro. A realidade posta é a de que precisamos de instituições grandes e poderosas, nas quais podemos confiar, para abastecer o carro no posto de gasolina da esquina usando o cartão de crédito. Recentemente, a família de minha sócia precisou enviar dinheiro a ela, do Brasil para a Irlanda. Poderíamos pagar o posto de gasolina com dinheiro mas, claro, ninguém gosta de ficar carregando dinheiro no bolso (uma coisa antiguinha). Se minha sócia estivesse ao lado da irmã dela, uma poderia dar o dinheiro à outra. Só que já estamos acostumados à representação virtual do dinheiro e a Internet acabou com as distâncias. Então, qual é a razão atual da existência das instituições financeiras intermediárias mesmo?

O Bitcoin é uma proposta prática de avanço no intercâmbio de valores, baseado na confiança entre pares. Simplificando muito, imagine que eu quero mandar cem reais, aqui de Lajeado, para a Joice, que vive em Dublin. Sei que a irmã dela vai para lá e, então, entrego o dinheiro a esse "par" confiável. Quando se trata de dinheiro, normalmente, a gente só confia a entrega mesmo a um intermediário confiável, onde a construção de uma confiança recíproca também é verdadeira. Com o uso da tecnologia e a construção de uma rede de confiança, afinal, seria como se eu colocasse os cem reais em uma máquina de teletransporte e eles fossem parar no bolso da Joice. O caminho desse transporte (que fica transparente para quem usa) é uma rede peer-to-peer de máquinas conectadas à Internet, incluindo dispositivos móveis, que pertencem a pessoas que têm a honra de fazer parte dessa rede de confiança.

Claro, como tudo o que tem a ver com dinheiro, sempre há aqueles que não querem usar a sua inteligência apenas para fazerem o bem e, por isso, a estrutura do Bitcoin leva em conta o fator estatístico da bondade da maioria das pessoas para escantear, de imediato, os malfeitores. Para mais detalhes, leia o artigo completo [Bitcoin: A Peer-to-Peer Electronic Cash System http://bitcoin.org/bitcoin.pdf] do Satoshi Nakamoto para entender melhor como isso funciona.

A ideia é nova, tem os riscos inerentes a toda novidade (reconhecivelmente o do rechaço do sistema financeiro vigente), mas vale a aposta! Faz o download, deposita uns pilas, compra ou doa uma graninha pro pessoal bacana do The Pirate Bay (olha no finzinho da página de abertura deles) e compartilha tua experiência.

Cesar Brod é um escritor maldito!

Cesar Brod ministra cursos in-house adequados à necessidade de sua empresa, além de atuar como coach de equipes ágeis. Visite nosso portal para saber mais ou entre em contato diretamente com o autor para mais informações.



 

 

Veja a relação completa dos artigos de Cesar Brod

Opinião dos Leitores

Maison K. Sakamoto
16 Out 2013, 08:53
bitcoins oscila muito... mas muito mesmo, é algo que sim pode ser usado, mas de maneira sóbria, tipo depositar e sacar coisa rápida, para quem vai comprar de outro país sem ter as complicações de conversão de moedas, cambio etc. Mas deixar o bitcoin "parado" na sua conta... a história nos mostra que é o mesmo que ter uma ação da bolsa de valores de altissímo risco/ganho e há investidores para todo tipo de negócio ;)
José Luis
05 Jul 2013, 16:26
É basicamente uma pirâmide. Muitos vão pular fora do barco e lucrar em dólares reais daqui um tempo, como aqueles gêmeos.
Cesar Brod
01 Jul 2013, 13:46
Boas considerações, Andson! E tem esse artigo do Francisco Lavrador Pires, do blog elearningclub que é complementar ao que escrevi e aos teus comentários: http://elearningclub.blogspot.pt/2013/07/o-software-moeda.html

Discussão muito interessante!
Andson Gomes
01 Jul 2013, 12:10
Essa nova opção de moeda é muito interessante. Mas uma coisa me chamou muito a atenção, a mineração de bitcoins. Já há pessoas dedicando-se a esta atividade com tanto afinco quanto ao trabalho convencional. Como é possível gerar valores somente deixando o computador ligado? É algo no mínimo questionável. Talvez seja uma forma de remunerar quem está gastando com energia para ceder sua máquina a processar as transações.

Agora o mais interessante, é que a conversão de REAL -> BITCOIN -> USD, sai mais caro do que você comprar algo diretamente com o cartão de crédito. Claro que a segurança do BITCOIN aparentemente pode ser maior, mas será que vale realmente a pena?

Hoje o nosso sistema financeiro é algo irreal, e esse é o meu temor com BITCOINS. Os bancos brasileiros, até a semana passada, eram obrigados a depositar 20% no fundo garantidor de crédito, enquanto que na Europa são apenas 10% (se não estou enganado). Mas mesmo os nossos 20% é muito pouco, como foi o caso do Cruzeiro do Sul, que quebrou e o que havia depositado não é o suficiente para pagar o que deve.

Para quem não conhece funciona mais ou menos assim. Alguém deposita R$100,00 em um banco brasileiro, que deposita R$ 20,00 no fundo garantidor de crédito e usa R$80,00 para dar de financiamentos. Alguém pega R$80,00 há x% de juros ao mês (aqui o banco já começou a ganhar dinheiro com o seu dinheiro). Esse R$80,00 serão depositados em uma conta, cujos 20% também terão de serem repassados ao fundo garantidor. Então o banco tem mais R$64,00 para dar de empréstimo. E outra pessoa pega os R$64,00, que será depositado, e ai são mais 20% para o fundo garantidor. E o banco terá mais 51,20 para dar empréstimo. E assim por diante. No final o banco fez o R$100,00 iniciais virar 399,95 em empréstimo há juros, deixando R$ 99,99 no fundo garantidor, sendo que o banco deve R$ 499,93 para quem depositou os recursos no banco. Ou seja, uma tremenda sacanagem.

Então, pensando no futuro, o novo sistema vale a pena pelo custo social do mesmo. Ou não!

*Nome:
Email:
Me notifique sobre novos comentários nessa página
Oculte meu email
*Texto:
 
  Para publicar seu comentário, digite o código contido na imagem acima
 


Powered by Scriptsmill Comments Script